Asa de Águia resgata personagens no Carnaval 2012

1/31/2012 Ingressos Recife 0 Comentarios

A banda Asa de Águia está em clima de festa. Para comemorar bodas de prata, o grupo liderado por Durval Lelys promete novidades para o Carnaval 2012 embalado pelo tema Asa 25 anos. Durante os cinco dias de folia, Durvalino levará para a avenida a história de uma das bandas mais queridas do País com homenagens pra lá de especiais. A primeira delas tem a ver com o lado irreverente do Rei da Rua. Durval Lelys resgatará em pleno circuito Dodô (Barra/Ondina) os principais personagens que marcaram presença em antigos carnavais, inspirando música e coreografias inesquecíveis. O público reencontrará o pintor Salvador Dalino, Nero e a sua Dança da Manivela, o Conde Draculino com a Dança do Vampiro, entre outros. "Esse Carnaval é mais do que especial para o Asa. São praticamente 25 anos de trio elétrico, por isso nada mais justo do que homenagear a nossa trajetória e os nossos fãs. Estamos preparando muitas surpresas", conta Durvalino.

Para a folia, Durval Lelys monta um repertório diferenciado com canções que marcaram época, como Take it easy, Bota pra ferver e Com Amor, entre outras que integram os 22 discos de carreira do grupo. A mais nova música de trabalho, "Trenzinho do Amor", é presença garantida e promete embalar a avenida com um refrão fácil e irreverente. "Vuco, vuco, vuco tá pegando fogo no Trenzinho do Amor. Vem com a gente que o Asa chegou". A música já caiu no gosto do público e é uma das mais executas nas rádios do País.

Músicas do Asa no Carnaval
A banda Asa de Águia sempre lança uma música para a maior festa popular do planeta. Durante a sua trajetória de mais de 20 anos, Durvalino embalou o Carnaval com os hits Take it Easy, Qual é?, A Gente Pede Festa, Com Amor, Não Tem Lua, Oba Vou Passear, Cocobambu, Dia dos Namorados, Pra Lá de Bragadá, Xô Satanás, A Dança da Tartaruga, Manivela, Dança do Vampiro, O Rei da Rua, Reino da Folia, Casamento Não, Salvador Dalino, Abalou, O Mago, Amor de Fé, Gênio da Lata, O Lobo, Gladiador e O Que Tem Que Ser Será. Na lista de sucessos também não podem faltar Quebra Aê, que arrebatou seis troféus como a melhor música no Carnaval 2007 e a mais executada no Carnaval de 2008, em todo país, Dia do Asa, que foi hit da banda no verão de 2009, o Vale Night, que caiu nas graças do povo e virou gíria nacional na folia momesca de 2010 e o Reiciclável, em 2011, disseminando a consciência ambiental.

Personagens
Ao longo do tempo, Durval se tornou um inspirador do Carnaval com suas fantasias, resgatando o lúdico característico da festa de Momo. Os primeiros personagens entraram em cena ainda na época em que trabalhava no extinto Banco Econômico e tocava na banda Pinel. Foi a maneira que encontrou para passar despercebido pelos seus colegas de trabalho durante o desfile do Pinel na avenida. A partir da década de 90, seus personagens ganharam vida e o profissionalismo veio com a chegada do Vampiro Conde Draculino.

Durante esse período Durvalino criou muitos personagens. O Deputado das Praias, Pastor Dom Duriel (com o seu "Xô Satanás"), Nero (rodando a manivela), Bad Boy, Conde Draculino (o Vampiro Comedor), Sansão, Homem Cibernético, Cabralino (homenagem aos 500 anos do Brasil), O Pirata, Pit Bull, D. Durvalino I (o Rei da Rua - um apelido criado por Bell Marques e Tonho Matéria, com direito até a uma música), Salvador Dalino (meu pincel não é brocha não - uma homenagem ao pintor mais irreverente, Salvador Dali), Magolino (e sua Vara Mágica), Aladino (o Gênio da Lata), Shivalino (o recriador do Yoga), Caramulino (o Rei das Índias do bloco Me Abraça), Cawboylino (e o seu Laço do Amor), Zambolino (o Rei da Kizomba), Durangolino (o folião do amor) e Reiciclável. Não é à toa que Durval Lelys é considerado um dos grandes artistas da Bahia.
Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga